No Banner to display

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Valor Bruto da Produção deve crescer 9,5% em Goiás

Cálculos atualizados em julho e divulgados na sexta-feira (13/8) indicam um aumento de 10,1% no Valor Bruto da Produção (VBP) da agricultura e de 8,5% no da pecuária em Goiás.

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) engloba os 26 itens mais importantes produzidos no País e é calculado com base na produção e nos preços praticados nas principais praças brasileiras. A periodicidade é mensal

Cálculos atualizados em julho e divulgados na sexta-feira (13/8) indicam um aumento de 10,1% no Valor Bruto da Produção (VBP) da agricultura e de 8,5% no da pecuária em Goiás. O VBP total do Estado deve crescer 9,5% na comparação com o ano passado, chegando ao recorde de R$ 92,6 bilhões, segundo estimativa da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O resultado coloca Goiás na sexta posição do ranking nacional, respondendo por 8,4% do VBP total do País. Do total de R$ 92,6 bilhões, a agricultura contribui com R$ 62,3 bilhões e a pecuária, com R$ 30,3 bilhões.

“Mesmo com perdas em algumas culturas por causa de geadas e escassez de chuvas, o agro mostra o resultado do trabalho de união que vem sendo feito por governos, entidades e empresas, e sobretudo pelos próprios produtores, que encararam todas as dificuldades para garantir alimento, renda e emprego”, comemora o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tiago Mendonça.

O recorde goiano é puxado por soja (crescimento de 23,4%), bovinos (12,5%) e frangos (12,5%). Há previsão de alta também para cana-de-açúcar (1,4%), trigo (20,9%), mandioca (15,5%), banana (15,9%), arroz (6,8%) e ovos (3,1%). Os bons números compensam as perdas estimadas principalmente no milho (-2%). Os produtos agrícolas goianos respondem por 8,2% do VBP nacional do segmento; já a pecuária, por 8,6%.

Em nível nacional, o estudo do Mapa aponta uma elevação de 12,8% no VBP da agricultura (chegando a R$ 757 bilhões) e de 4% no da pecuária (atingindo R$ 352 bilhões). A estimativa é que, juntos, eles totalizem R$ 1,1 trilhão – alta de 9,8% na comparação com 2020. De acordo com o Ministério, este deve ser o melhor resultado do VBP em 32 anos.

Em nível nacional, informa o Mapa, os itens com maior alta do VBP foram trigo, com crescimento real de 41,8%; soja, 28,7%; milho, 11,8%; carne de frango, 7,5%; carne bovina, 7,3%; arroz, 4,7%; e cana-de-açúcar, 3,9%.

Entenda

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) engloba os 26 itens mais importantes produzidos no País e é calculado com base na produção e nos preços praticados nas principais praças brasileiras. A periodicidade é mensal. Elaborado pela Coordenação-Geral de Avaliação de Políticas e Informação (CGPI) do Departamento de Financiamento e Informação (DFI) da Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o estudo tem como objetivo mostrar a evolução do desempenho da agricultura e da pecuária ao longo do ano.

Números

Confira dos dados de Goiás no VBP divulgado em agosto/2021:

VBP total
Valor: R$ 92.638.196.863,41
Variação: 9,5%
Participação nacional: 8,4%
Ranking nacional: 6º

VBP Agricultura
Valor: R$ 62.317.088.817,44
Variação: 10,1%
Participação nacional: 8,2%
Ranking nacional: 6º

VBP Pecuária

Valor: R$ 30.321.108.045,97
Variação: 8,5%
Participação nacional: 8,6%
Ranking nacional: 7º

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Últimas notícias

Em dia histórico, Governo do Estado assume gestão e regulação dos hospitais próprios, em Goiânia

Governador Ronaldo Caiado inicia entrega de 250 mil cestas básicas, em Goiânia, e cumpre agenda em Mara Rosa, nesta sexta-feira (17/09)

Em Montes Claros de Goiás, Caiado participa, ao lado do ministro da Infraestrutura, de entrega da restauração da BR-070

Caldas Novas vacina adolescentes de 12 a 17 anos com deficiência permanente e aplica terceira dose em idosos