sexta-feira, 12 de abril de 2024

sexta-feira, 12 de abril de 2024

Servidoras da Polícia Legislativa participam de curso para aprimorar a qualidade no atendimento ao público

A Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) promoveu, na tarde desta sexta-feira, 1º, o segundo módulo do curso voltado para aprimoramento dos trabalhos da Polícia Legislativa.

Oficina de qualidade no atendimento ao público
Dentre as orientações repassadas para as servidoras, haja vista que, a princípio, o curso foi direcionado apenas para as mulheres, as policiais puderam participar de atividades individuais e coletivas. O objetivo é aperfeiçoar o atendimento que é prestado ao público por essas profissionais no dia-a dia da Casa.

Todas as dinâmicas foram pautadas para um único fim: mostrar a importância do trabalho em equipe, bem como a necessidade de manter a ética e profissionalismo ao lidar com o público interno e externo.

“Sabemos que essas profissionais passam por situações diversas diariamente. Nossa intenção é auxiliar para que a equipe tenha um comportamento coordenado e alinhado. Queremos nos tornar exemplos para as demais repartições públicas”, explicou a servidora Thais Costa, uma das palestrantes do curso.

Sobre o atendimento ao público, Costa explicou que muitas vezes os servidores públicos são taxados como desinteressados ou preguiçosos, o que não condiz com a realidade. “Temos uma equipe extremamente qualificada, orientada e capaz de prestar o melhor atendimento para aqueles que nos visitam ou trabalham aqui”, assegurou.

Pensando em manter a qualidade e alinhamento do trabalho, a palestrante afirmou que a intenção é promover encontros mensais para otimizar as ações do grupo. A princípio, os encontros serão direcionados apenas às mulheres, em uma fase posterior será a vez dos homens. “Tenho certeza que essas reuniões serão capazes de ressaltar o nosso diferencial na hora de atendermos o público”, acrescentou Thais, que palestrou ao lado da servidora Adriana Froes.

Thais é servidora comissionada da Casa de Leis na Divisão de Policiamento, Informações e Controle Operacional e pós-graduada na área de Direito Constitucional. Adriana, por sua vez, é psicóloga pós-graduada em Análise e Diagnóstico Organizacional e formada em Terapia Cognitivo-Comportamental. Efetiva, Froes é lotada na Diretoria de Saúde da Casa de Leis.

Ao todo, 20 mulheres participaram do encontro. Todas elas ligadas, de maneira direta ou indireta, ao atendimento de balcão do Palácio Maguito Vilela, nova sede do Legislativo, localizada na região Leste da Capital. O encontro teve três horas de duração.

Agência Assembleia de Notícias

Publicações em Alta

PIB de Goiás cresce 4,4% em 2023 e fica acima da média nacional

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Goiás libera vacina para toda a população no ‘Dia D’ contra influenza

Prefeitura e Câmara entregam mais de 13 mil kits escolares e pedagógicos para a Educação Municipal