No Banner to display

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Procon apreende 18 mil máscaras irregulares em loja de Goiânia

O Procon Goiás apreendeu nesta quinta-feira (10/6) cerca de 18 mil máscaras em uma loja na Avenida Goiás, Centro de Goiânia

O estabelecimento foi autuado e pode pagar uma multa que varia de R$ 680 a R$ 10, 2 milhões. Produtos eram importados e estavam sem informações em português nas embalagens (Foto: Procon Goiás)

 O Procon Goiás apreendeu nesta quinta-feira (10/6) cerca de 18 mil máscaras em uma loja na Avenida Goiás, Centro de Goiânia. O motivo da apreensão foi o descumprimento dos artigos 6º, 18, 31 e 39 do Código de Defesa do Consumidor (CDC). O Artigo 31 do CDC determina que os produtos importados apresentem informações claras ao consumidor na língua portuguesa como quantidade, composição, preço, prazos de validade e origem, entre além dos riscos que apresentam à saúde e segurança dos consumidores.

Dentre os modelos apreendidos, foram encontradas cerca de 11 mil máscaras descartáveis, além de 4 mil do modelo KN95 e mais 3 mil máscaras infantis. O estabelecimento foi autuado e pode pagar uma multa que varia de R$ 680 a R$ 10, 2 milhões. A denúncia foi feita por uma consumidora que identificou que as embalagens estavam fora do padrão legal.

O superintendente do Procon Goiás, Alex Augusto Vaz Rodrigues, afirma que a ação tem o objetivo de preservar os direitos dos consumidores e garantir que eles comprem produtos em conformidade com a lei, além de seguros e eficazes. “Vamos avaliar a possibilidade de aproveitar essas máscaras e, caso a justiça autorize, faremos uma doação, visto que se trata de um grande volume de produtos que são indispensáveis para evitar a contaminação pela Covid-19. O combate à pandemia é uma prioridade para o Governo de Goiás.”, afirma.

O Procon Goiás orienta os consumidores que fiquem atentos aos riscos de comprar produtos sem as informações necessárias nas embalagens, principalmente aqueles que envolvem a saúde do cliente. As denúncias podem ser feitas pelo telefone 151 (Goiânia) e (62) 3201-7124 (interior), ou pela internet, na plataforma Procon Web (proconweb.ssp.go.gov.br).

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Últimas notícias

Em dia histórico, Governo do Estado assume gestão e regulação dos hospitais próprios, em Goiânia

Governador Ronaldo Caiado inicia entrega de 250 mil cestas básicas, em Goiânia, e cumpre agenda em Mara Rosa, nesta sexta-feira (17/09)

Em Montes Claros de Goiás, Caiado participa, ao lado do ministro da Infraestrutura, de entrega da restauração da BR-070

Caldas Novas vacina adolescentes de 12 a 17 anos com deficiência permanente e aplica terceira dose em idosos