No Banner to display

sexta-feira, 19 de julho de 2024

sexta-feira, 19 de julho de 2024

No Banner to display

PCGO prende em hospital investigado por tentativa de feminicídio

O investigado tentou atirar na vítima várias vezes, mas a arma falhou

Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher de Iporá – 7ª DRP e da Delegacia Estadual de Atendimento Especializado à Mulher, prendeu, nesta quinta-feira (28), um homem, de 51 anos, após tentar matar a esposa, com quem foi casada por 30 anos. O crime aconteceu no dia 16 de dezembro.

De acordo com a investigação, o autor foi até a fazenda da vítima em Iporá, na noite de 15 de dezembro, desligou o padrão de energia, esperou do lado externo durante a noite e atacou a esposa ao amanhecer.

Em seguida o suspeito fugiu para os fundos da fazenda e foi encontrado pela Polícia Civil de Goiás ferido após tentar ceifar sua própria vida. O autor recebeu atendimento médico de emergência em Iporá e foi encaminhado no mesmo dia para o Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira, em Goiânia.

A autoridade policial representou pela prisão preventiva do investigado para a garantia da vida da vítima e das medidas protetivas. Com a expectativa de alta médica em breve, deu-se cumprimento ao mandado de prisão para que ele já fique sob escolta prisional e depois seja imediatamente recolhido ao presídio.

O investigado responderá pelos crimes de feminicídio tentado, descumprimento de medidas protetivas e porte ilegal de arma de fogo, com pena de até 24 anos de prisão.

Fonte: Polícia Civil

Publicações em Alta

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos

Prefeitura de Caldas Novas espera receber 150 mil pessoas no Feriado de Tiradentes

Educação abre período de matrículas para 2024

No Banner to display