No Banner to display

segunda-feira, 20 de maio de 2024

segunda-feira, 20 de maio de 2024

No Banner to display

“Não vai ter invasão”, garante Caiado sobre mobilizações do MST em Goiás

Forças de segurança evitam ocupação de terra no Entorno do DF e mantêm estado sem invasões de propriedades de forma pacífica

Sem uso de violência, Polícia Militar impede ocupação do MST em Vila Boa de Goiás, a 364 quilômetros de Goiânia

O governador Ronaldo Caiado reforçou que “não vai ter invasão” de terras em Goiás. A fala se refere ao Abril Vermelho, ação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) que, desde a noite de domingo (14/04), realiza ocupações em todo o país. “Estamos com força de segurança e inteligência, vamos bloquear ônibus que estão indo para invasão”, informou o governador ao jornal O Globo.

Caiado disse ainda que o Comando de Operações do Cerrado monitora a situação em território goiano. Na segunda-feira (15/04), cerca de 250 integrantes do MST tentaram ocupar parte da Usina CBB, localizada em Vila Boa de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. No entanto, a Polícia Militar já havia sido informada sobre a ação e agiu antes que o movimento se consolidasse.

Após negociação, o grupo deixou a área pacificamente. A operação em Vila Boa de Goiás ocorreu sem uso de força. Cinco integrantes, apontados como líderes da tentativa, foram encaminhados para a Delegacia Regional de Polícia Civil (11ª DRPC) e autuados por esbulho possessório (ação para tomar posse de um bem de forma ilegal), ameaça e danos.

Além da tentativa de ocupação à Usina CBB, houve um caso similar no município de Itaberaí. A ocupação de uma área rural foi evitada após acordo entre o proprietário da terra e representantes do MST. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) acompanhou o caso.

Fotos: SSP-GO

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Publicações em Alta

PIB de Goiás cresce 4,4% em 2023 e fica acima da média nacional

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Vereador Everton Jamal leva projeto “Gabinete Itinerante” aos bairros de Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos