No Banner to display

quinta-feira, 18 de julho de 2024

quinta-feira, 18 de julho de 2024

No Banner to display

Mãe mata filho autista e tira a própria vida

De acordo com as investigações os dois estariam mortos há dois dias, devido a condição em que os corpos foram encontrados

Foto: Reprodução

O corpo de uma idosa, de 63 anos, e do filho dela de 27 que era autista foram encontrados dentro do apartamento em que eles moravam Águas Claras no Distrito Federal (DF) na noite da última terça-feira, 9. Segundo as informações divulgadas se tratam de mãe e filho.

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi chamada para atender a ocorrência, após os moradores do prédio sentirem um odor muito forte que vinha de um dos apartamentos e desconfiarem que poderia haver alguém morto no local.

Uma equipe policial foi até o local para ver a veracidade da denúncia, e ao chegar no prédio em questão, os policiais então invadiram o imóvel. Dentro do apartamento a polícia encontrou o corpo do rapaz na sala, e o da mulher dentro do quarto e ao lado dela um revólver.

De acordo com as informações divulgadas os dois são mãe e filho. O homem foi identificado como Cléber e mesmo estava inserido no Transtorno do Espectro Autista (TEA), o nome da mãe não foi revelado. Segundo registrado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) a mulher matou o filho a tiros e logo após se matou.

Os vizinhos contaram que o rapaz foi visto pela última vez no sábado, 6. O caso é investigado pela 21ª Delegacia de Polícia em Taguatinga Sul e segundo as investigações até o momento, a morte de mãe e filho teria sido há dois dias.

Fonte: Diário da Manhã

Publicações em Alta

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos

Prefeitura de Caldas Novas espera receber 150 mil pessoas no Feriado de Tiradentes

Educação abre período de matrículas para 2024

No Banner to display