sexta-feira, 12 de abril de 2024

sexta-feira, 12 de abril de 2024

Mãe mata filho autista e tira a própria vida

De acordo com as investigações os dois estariam mortos há dois dias, devido a condição em que os corpos foram encontrados

Foto: Reprodução

O corpo de uma idosa, de 63 anos, e do filho dela de 27 que era autista foram encontrados dentro do apartamento em que eles moravam Águas Claras no Distrito Federal (DF) na noite da última terça-feira, 9. Segundo as informações divulgadas se tratam de mãe e filho.

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi chamada para atender a ocorrência, após os moradores do prédio sentirem um odor muito forte que vinha de um dos apartamentos e desconfiarem que poderia haver alguém morto no local.

Uma equipe policial foi até o local para ver a veracidade da denúncia, e ao chegar no prédio em questão, os policiais então invadiram o imóvel. Dentro do apartamento a polícia encontrou o corpo do rapaz na sala, e o da mulher dentro do quarto e ao lado dela um revólver.

De acordo com as informações divulgadas os dois são mãe e filho. O homem foi identificado como Cléber e mesmo estava inserido no Transtorno do Espectro Autista (TEA), o nome da mãe não foi revelado. Segundo registrado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) a mulher matou o filho a tiros e logo após se matou.

Os vizinhos contaram que o rapaz foi visto pela última vez no sábado, 6. O caso é investigado pela 21ª Delegacia de Polícia em Taguatinga Sul e segundo as investigações até o momento, a morte de mãe e filho teria sido há dois dias.

Fonte: Diário da Manhã

Publicações em Alta

PIB de Goiás cresce 4,4% em 2023 e fica acima da média nacional

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Goiás libera vacina para toda a população no ‘Dia D’ contra influenza

Prefeitura e Câmara entregam mais de 13 mil kits escolares e pedagógicos para a Educação Municipal