No Banner to display

domingo, 17 de outubro de 2021

domingo, 17 de outubro de 2021

Final de semana: PMGO realiza 160 prisões em flagrante e a captura de 36 foragidos da justiça

Ações resultaram ainda na apreensão de armas de fogo, drogas e de uma carga com grande quantidade de medicamentos irregulares.

Em ações diferentes de combate à criminalidade, realizadas no Estado entre sexta-feira (17/09) e este domingo (19/09), a Polícia Militar de Goiás (PMGO) efetuou 160 prisões em flagrante e a captura de 36 foragidos da justiça. Nesse período, também foram apreendidas 38 armas de fogo, munições, 37 quilos de drogas, insumos para a fabricação de entorpecentes, além de uma carga de medicamentos irregulares. As principais ocorrências aconteceram na capital, em Aparecida de Goiânia, Jataí, Anápolis, Luziânia, Senador Canedo, Águas Lindas e Porangatu.

Uma das diligências, realizada por equipes do Comando de Policiamento Especializado (CPE) de Anápolis, foi responsável pela apreensão de diversas porções de skunk (supermaconha), haxixe e crack. Os militares atuavam em patrulhamento, quando abordaram um indivíduo, no momento em que saia de uma residência. O homem confessou ter acabado de adquirir os ilícitos. Novas buscas foram realizadas na casa, com a apreensão de mais entorpecentes e a quantia de R$ 4.320,00 em espécie. O suposto comerciante de drogas foi preso em flagrante.

Ainda no combate ao tráfico, policiais do 38° Batalhão de Polícia Militar fecharam um laboratório usado para o refino de entorpecentes, em Goiânia. A ocorrência teve início após a prisão de um indivíduo, suspeito de tentativa de homicídio, no setor Central. Os militares realizaram diligências e conseguiram chegar ao possível mandante do crime, que era também o chefe da quadrilha. O grupo era responsável pelo laboratório, onde foram apreendidas diversas drogas, insumos e balanças de precisão. A dupla foi presa e levada à Central de Flagrantes.

Outras ocorrências

Equipes do Comando de Operações de Divisas (COD), em ação realizada na GO-244, conseguiram interceptar uma carga com grande quantidade de medicamentos irregulares. Os remédios eram transportados em um veículo, que seguia para o estado do Tocantins. Após verificação, os militares constataram que a documentação apresentada pelo condutor não condizia com a mercadoria que era levada. Diante da irregularidade, o carregamento, avaliado em R$ 800 mil, foi apreendido e levado à Delegacia de Porangatu.

Já em Senador Canedo, policiais do 27° BPM fecharam uma oficina clandestina de armas de fogo. No local, era realizada a manutenção dos equipamentos e a fabricação de novas armas. A oficina foi descoberta após uma abordagem de rotina, na cidade. O condutor indicou o endereço, levando à apreensão de oito espingardas calibre 28, além de diversas munições. Ao todo, três pessoas foram autuadas em flagrante pelo crime de porte ilegal e posse irregular de arma de fogo. Os suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil do município.

Secretaria de Estado da Segurança Pública – Governo de Goiás

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Publicações em Alta

Programa Mães de Goiás chega à região do Entorno do DF no mês de outubro

Caiado anuncia isenção da contribuição previdenciária de aposentados e pensionistas com salário de até R$ 3 mil e redução da cobrança para os que recebem acima desse valor

Expresso Balcão capacita servidores de 12 municípios

Polícia Penal registra aumento de apreensões de K4, conhecida como supermaconha