No Banner to display

sábado, 18 de maio de 2024

sábado, 18 de maio de 2024

No Banner to display

Daniel Vilela reafirma apoio às indústrias que se instalam em Goiás

Governador em exercício participou do lançamento do novo terminal da Granel Química, em Santa Helena de Goiás. Investimentos são de R$ 170 milhões, com geração de 350 empregos

O governador em exercício Daniel Vilela durante lançamento da pedra fundamental do novo terminal da Granel Química, em Santa Helena de Goiás

O governador em exercício Daniel Vilela reafirmou, nesta quarta-feira (15/05), o compromisso do Governo do Estado em apoiar empresas e indústrias que querem se instalar em Goiás, durante lançamento da pedra fundamental do novo terminal da Granel Química, em Santa Helena de Goiás, na região Sudoeste do estado. A empresa anunciou investimentos da ordem de R$ 170 milhões, com geração de 350 empregos diretos e indiretos.

Na ocasião, Daniel Vilela também destacou os investimentos estaduais em rodovias estaduais que dão acesso ao novo terminal para armazenagem de líquidos, que será construído em um terreno próximo ao km 3 da GO-210 – que liga a cidade a Turvelândia -, às margens da ferrovia Norte-Sul. “Nós queremos facilitar o trabalho daqueles que querem investir em Goiás e gerar mais oportunidades aos goianos”, destacou.

O presidente da Granel Química, Edson Souki, agradeceu ao governador Ronaldo Caiado pelo apoio recebido ao longo dos dois anos de estudos técnicos que resultaram na elaboração do projeto final, que inclui a implantação de um ramal ferroviário para conectar o terminal à ferrovia Norte-Sul e às plataformas rodoviárias. “O escoamento da produção de etanol, biodiesel e de óleos vegetais, além de outras commodities produzidas nesta região, será feita por vagões, o que vai aumentar consideravelmente nosso potencial logístico”, detalhou o presidente. A previsão é de que as obras durem 18 meses.

“Vocês não poderiam ter escolhido local mais adequado para esta instalação. Estamos no chamado ‘cinturão verde’ ou ‘cinturão da cana-de-açúcar’”, completou Daniel, referindo-se ao conjunto de municípios, liderado por Santa Helena, que ocupam a segunda posição nacional na produção de açúcar e etanol.

Também presente à solenidade, o prefeito João Alberto Rodrigues celebrou, em discurso, os investimentos que serão, ao longo dos próximos meses, aportados na obra do novo terminal. “Temos aqui o início de uma nova realidade. Os moradores de Santa Helena esperavam por esta iniciativa que vai abrir ainda mais as portas do desenvolvimento e do progresso da nossa cidade”, afirmou.

Granel Química
O terminal em Santa Helena é o oitavo da Granel Química no país. A empresa, há 50 anos no Brasil, é associada ao grupo norueguês Odfjell. As obras preveem a construção de seis grandes tanques com capacidade de armazenamento de seis milhões de litros cada. Tão logo o terminal seja concluído, ele movimentará anualmente 1 milhão de toneladas de produtos a granel. Mas há um projeto-executivo pronto para expansões futuras, o que o permitirá chegar a 7 milhões de toneladas/ano.

“Tenho absoluta certeza de que os investimentos da Granel Química, tão logo se concretizem, servirão para atrair outras empresas para cá. Vislumbro aqui, nesta região, um grande parque industrial a contribuir com o desenvolvimento de Goiás”, arrematou Daniel.

Foto: Jota Eurípedes

Vice-Governadoria – Governo de Goiás

Publicações em Alta

PIB de Goiás cresce 4,4% em 2023 e fica acima da média nacional

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Vereador Everton Jamal leva projeto “Gabinete Itinerante” aos bairros de Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos