No Banner to display

terça-feira, 28 de maio de 2024

terça-feira, 28 de maio de 2024

No Banner to display

Daniel Vilela inaugura primeira Escola de Governo da Polícia Penal

Localizada em Goiânia, unidade deve capacitar mais de 5 mil servidores em 2024

Governador em exercício, Daniel Vilela elogiou a estrutura da ESPP: “Fundamental para os próximos policiais penais e também para quem já faz parte da corporação”

O governador em exercício Daniel Vilela inaugurou, na manhã desta terça-feira (14/05), em Goiânia, a Escola Superior de Polícia Penal (ESPP). Agora credenciada como Escola de Governo, a unidade destinada à capacitação e formação dos servidores da Polícia Penal recebeu investimentos de R$ 302 mil do Governo de Goiás para reforma e melhoria da estrutura física.

“A estrutura será de fundamental importância para os próximos policiais penais, que irão compor o time competente que temos, e também para quem já faz parte da corporação e irá, ao longo do tempo, buscar aprimoramento para dar sequência ao trabalho que vem sendo tão bem executado”, pontuou Vilela.

O secretário de Segurança Pública, Renato Brum, afirmou que valorizar a boa formação de seus integrantes é uma característica de toda instituição respeitada. “Vamos qualificar melhor nosso servidor. A Polícia Penal é uma parte forte da engrenagem da segurança pública”, completou.

Reforma
Localizada na Avenida Goiás, no setor Central, a ESPP conta com 10 salas de aula com capacidade para 35 alunos cada, além de uma sala de informática, biblioteca e auditório para 100 pessoas. Ao todo, 105 servidores formam o quadro de docentes e de instrutores de armamento e tiro.

A unidade goiana é a primeira escola de serviços penais do país a ser credenciada como Escola de Governo. “Somos inéditos, e isso coloca Goiás em destaque no cenário nacional”, comentou o diretor-geral da Polícia Penal, Josimar Pires, ao lembrar que foram dois anos reunindo documentação e garantindo a estrutura física para receber a chancela de Escola de Governo.

Para este ano estão programados 63 cursos cognitivos e 30 operacionais, beneficiando 5.450 servidores que serão capacitados em diversas áreas. “Estamos preparados para superar expectativas e alcançar novos patamares de excelência educacional. Serão mais de 180 turmas e quase 3 mil horas/aula dedicadas ao aprimoramento dos profissionais”, garantiu a diretora da Escola Superior da Polícia Penal, Ana Borges.

Escola de Governo
A ESPP recebeu, em 15 de março, o status de Escola de Governo, concedido por unanimidade pelo Conselho Estadual de Educação (CEE). Com isso, a unidade pode chancelar seus próprios cursos de pós-graduação e extensão, sendo o primeiro deles a Pós-graduação Lato Sensu em Execução de Polícia Penal, com 500 horas de carga horária, aprovada pelo CEE.

Os policiais penais aprovados nos próximos concursos serão direcionados para a escola, onde receberão formação especializada em Execução de Polícia Penal antes de serem lotados nas unidades prisionais.

Fotos: André Saddi

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Publicações em Alta

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Caiado traz gigante chinesa de energia limpa para Goiás

Vereador Everton Jamal leva projeto “Gabinete Itinerante” aos bairros de Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos