quinta-feira, 30 de junho de 2022

quinta-feira, 30 de junho de 2022

Crer promove campanha de doação de sangue em parceria com Hemocentro

O Centro Estadual de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (Crer), promove, no próximo dia 31 de maio, uma campanha de doação de sangue, em parceria com o Hemocentro de Goiás.

A ação reforça o compromisso da instituição em trabalhar em prol da conscientização da importância da doação de sangue e da manutenção do estoque do Hemocentro de Goiás

Das 8 às 17 horas, uma unidade de coleta móvel do Hemocentro estará no hospital recebendo doadores, que podem ser colaboradores da unidade do Governo de Goiás, usuários ou a comunidade em geral.

Durante todo o mês de maio, foi realizada ampla divulgação da campanha, com foco na captação de doadores voluntários. A expectativa é que sejam registradas 120 bolsas de sangue durante a ação na instituição. Segundo o diretor técnico do Crer, o médico Ciro Bruno Silveira Costa, a ação reforça o compromisso da instituição em trabalhar em prol da conscientização da importância da doação de sangue e da manutenção do estoque do Hemocentro de Goiás.

“Fomentar e promover campanhas de doação é de extrema importância, uma vez que não existe a possibilidade de aquisição financeira de sangue. Então, todo o estoque de que necessitamos, enquanto unidade de saúde, é oriundo de doação. Por isso, reforçamos sempre que doar sangue, além de um ato de solidariedade e amor, salva vidas, podendo salvar, inclusive, a nossa própria vida”.

A Agência Transfusional do Crer trabalha pautada no compromisso de administrar, de forma segura, a transfusão de sangue e/ou hemocomponentes na instituição. Atendendo todas as condutas exigidas pelas normas vigentes do Ministério da Saúde, a agência realiza cerca de 90 transfusões mensais.

Segundo a médica hematologista responsável pela Agência Transfusional, Danielle Isadora Blumenschein, é uma responsabilidade de todos o fortalecimento do ato de doar sangue. “Diariamente lidamos com a necessidade e urgência clínica de uma transfusão de sangue para salvar um paciente. Parece simples, mas uma doação de sangue salva vidas. E nós, enquanto profissionais da saúde, somos protagonistas nesta árdua tarefa de conscientizar e incentivar a doação no nosso trabalho, na nossa família e na nossa sociedade.”

Rafaela Bernardes (texto e foto)/Agir

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Publicações em Alta

Decreto formaliza o novo Coíndice

Com 23.270 novos CNPJs, Goiás bate recorde em abertura de empresas de janeiro a agosto de 2021, melhor resultado dos últimos cinco anos

Cavalhadas em Pirenópolis serão realizadas em junho

Aprendiz do Futuro contrata cinco mil jovens em todo o Estado