No Banner to display

domingo, 19 de setembro de 2021

domingo, 19 de setembro de 2021

Corrida da Solidariedade

Campanha já arrecadou cerca de duas toneladas de alimentos destinados a quatro entidades filantrópicas goianas. A população em geral pode fazer doações até 5ª-feira, dia 2 de setembro.

Arrecadação de cestas básicas - 2ª Corrida da Solidariedade da Alego
A mobilização dos servidores da Alego para a segunda edição da Corrida da Solidariedade continua aumentando a quantidade de doações arrecadadas. Somente na manhã desta segunda-feira, 30, a organização do evento já recebeu 99 novas cestas, o que representa mais de uma tonelada de alimentos.

Na sexta-feira, 27, já haviam sido contabilizadas 66 cestas (792 kg), que somadas ao montante recebido hoje, se traduzem em aproximadamente duas toneladas já arrecadadas. Todas as diretorias, secretarias e seções poderão entregar suas doações até a próxima quinta-feira, 2. A equipe que mais arrecadar receberá uma premiação.

As primeiras doações recebidas foram obtidas pela Diretoria Legislativa, sob o comando de Marcelo Melo, pelos servidores das Comissões Permanentes, juntamente com a Assessoria Adjunta da Presidência, que tem à frente o procurador Rubens Sardinha.

A expectativa é de que na campanha com o tema “Na maratona contra a fome, todo mundo pode ser atleta”, a arrecadação de alimentos ultrapasse o volume da ação do ano passado. As doações podem ser entregues na portaria da Alego. A partir de terça-feira, 31, será instalado drive thru na sede do Parlamento de Goiás.

A campanha vai até dia 2, quando será realizada uma live de encerramento com diferentes atrações. Já confirmaram presença no evento, os músicos: Carlos e Jader, Eduardo Melo, Heitor Carvalho e Giovani do Acordeon.

O encerramento da ação será transmitido a partir das 21 às 23 horas, com espaço na programação da TV Alego, no canal 61.2 na TV aberta e canal 8 da NET, e, ainda, no canal do YouTube, além da parceria com a TBC.

Na primeira edição da campanha, foram arrecadadas 21 toneladas de alimentos a partir de doações dos servidores da Casa e de empresas parceiras e teve como vencedores: Procuradoria-Geral em 3º lugar com 2.498 toneladas; Diretoria de Comunicação em 2º com 3.217 toneladas; e Presidência da Casa em 1º, com 5.419 toneladas de alimentos arrecadados. Este ano, a equipe vencedora, além do troféu, receberá um kit churrasco para 20 pessoas.

A parceria com a Mesa Brasil Sesc irá possibilitar o uso de QR Code para aumentar as doações e possibilitar a participação da comunidade em geral na iniciativa.

Entidades favorecidas

A segunda edição da Corrida da Solidariedade faz parte do Projeto Viver Bem, realizada pela Diretoria de Planejamento Estratégico do Legislativo estadual, com o intuito de arrecadar alimentos para quatro instituições filantrópicas do estado. Além das entidades filantrópicas, a iniciativa também irá beneficiar as que estão cadastradas pelo serviço social da Alego.

Confira:

  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae Goiânia);
  • Associação dos Deficientes Físicos de Goiás (Adfego);
  • Abrigo de Idosos São Vicente de Paulo;
  • Solar Colombino Augusto de Bastos.

Ação solidária

A primeira edição da Corrida da Solidariedade foi lançada de forma virtual em 2020 pelo presidente do Poder Legislativo estadual, deputado Lissauer Vieira (PSB). E tem o objetivo de arrecadar alimentos não perecíveis, destinados a beneficiar entidades filantrópicas goianas, nesse momento em que muitas famílias passam por dificuldades para adquirirem o básico, em decorrência da pandemia de covid-19.

Agência Assembleia de Notícias
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Últimas notícias

Caiado participa do lançamento da Ferrovia de Integração do Centro-Oeste, em Mara Rosa, no Norte goiano

Goiás atualiza orientações sobre vacinação contra Covid-19

Em Goiânia, Caiado inicia entrega de mais 250 mil cestas básicas a famílias em vulnerabilidade impactadas pela pandemia, e Goiás atinge marca de 1 milhão de donativos distribuídos

Caiado diz que consultas populares vão definir como Projeto Gênesis será implantado e destaca que prioridades são “desenvolvimento do Nordeste goiano e preservação do meio ambiente”