No Banner to display

domingo, 21 de abril de 2024

domingo, 21 de abril de 2024

No Banner to display

Caiado ressalta resultados de integração entre polícias em Goiás

Operação Desmantelo, que combate comércio ilegal de peças de veículos roubados fora do estado, mostra resultado de termo de cooperação firmado entre Secretaria de Segurança Pública (SSP-GO) e Polícia Rodoviária Federal (PRF)

Governador Ronaldo Caiado na assinatura do termo de cooperação técnica com a PRF, em dezembro: ação conjunta reflete política de segurança pública austera e séria

O trabalho integrado entre todas as polícias de Goiás, incentivado pelo governador Ronaldo Caiado, demonstra resultados e um combate incisivo à criminalidade. O exemplo mais recente é a Operação Desmantelo, realizada pela Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA), Polícia Científica e Polícia Rodoviária Federal (PRF), que resultou na prisão de 20 pessoas até o momento, suspeitas de envolvimento em furto e roubo de veículos.

Os automóveis foram roubados fora de Goiás e as peças tinham como destino o comércio da no setor Vila Canaã, em Goiânia. Na manhã desta quinta-feira (25/01), as equipes ainda cumprem parte dos 35 mandados de prisão expedidos pela Justiça. Também estão sendo cumpridos, desde terça-feira (23/01), 118 mandados de busca e apreensão, em uma das maiores ofensivas já realizadas contra esta modalidade de crime na região, de acordo com as forças policiais. Foram apreendidas 9 armas de fogo e identificados 17 veículos de uso pessoal roubados, 8 deles sendo desmanchados.

O governador ressaltou a atuação conjunta e destacou que a operação é uma das primeiras realizadas após assinatura de Termo de Cooperação entre a Secretaria de Segurança Pública de Goiás e a PRF, em dezembro de 2023. “Aqui as forças são preparadas e agem em conjunto. Isso acontece quando há uma política de segurança pública austera e séria. Assim temos o que mais nos interessa: resultado concreto e segurança para nossa população”, salienta.

Cinco caminhões baú com peças foram apreendidos. Os veículos traziam itens de cerca de 50 veículos furtados e roubados no estado de São Paulo. Conforme a investigação, eles eram despachados de São Paulo carregados por cerca de R$ 70 mil. Já em Goiânia eram vendidos por cerca de 80 mil. No entanto, o valor de mercado dos veículos antes do desmanche chegava a cerca de R$ 800 mil.

A delegada Rafaela Azzi, que chefia a investigação, destaca que a mudança de comportamento das quadrilhas, ao deslocar os crimes para outros estados, trazendo veículos já desmontados, ocorre em função da política de tolerância zero à criminalidade em Goiás. Entre 2018 e 2023, a redução do número de furtos e roubos de veículos chegou em torno de 90% em território goiano.

“Antes nós tínhamos aqui um número alto de furto e roubo. Em função da redução dos crimes, do incremento que foi dado pelo Governo do Estado para a segurança pública, que resultou nessa redução, creio que passaram a comprar esses componentes veiculares de outros estados, especialmente São Paulo”, destacou Rafaela Azzi.

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Publicações em Alta

PIB de Goiás cresce 4,4% em 2023 e fica acima da média nacional

Goiás libera vacina para toda a população no ‘Dia D’ contra influenza

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos