No Banner to display

sexta-feira, 3 de dezembro de 2021

sexta-feira, 3 de dezembro de 2021

Caiado participa da abertura do 2º Congresso Brasileiro de Direito Religioso

Evento reúne especialistas de todo o país. Temas em debate abrangem economia, educação e laicidade colaborativa brasileira

Em Anápolis, o governador Ronaldo Caiado participa da abertura do 2º Congresso Brasileiro de Direito Religioso, realizado na sede da Universidade Evangélica de Goiás (UniEvangélica): “O que vamos ouvir aqui vai acrescentar e muito em nossa vida, e será um momento de muita reflexão para todos nós”

O governador Ronaldo Caiado participou, nesta quinta-feira (25/11), da abertura do 2º Congresso Brasileiro de Direito Religioso, realizado na sede da Universidade Evangélica de Goiás (UniEvangélica), em Anápolis, pelo Instituto Brasileiro de Direito e Religião (IBDR). O evento debaterá, até sexta-feira (26/11), o tema “economia, educação e o fenômeno religioso na laicidade colaborativa brasileira”.

“Fiz questão de estar aqui para aprender. É uma confraria de intelectuais, estudiosos, pessoas preparadas para debater o quanto é importante a liberdade religiosa, no seu sentido amplo. O que vamos ouvir aqui vai acrescentar e muito em nossa vida, e será um momento de muita reflexão para todos nós”, disse Caiado.

O evento trata do sistema de relação entre o Estado brasileiro e o fenômeno religioso, e o impacto dessa relação nas diversas áreas da comunidade política, inclusive na economia e na educação. Os palestrantes falam de temas como laicidade brasileira colaborativa; direito religioso e relações de trabalho; liberdade religiosa e economia; teologia e filosofia – a era secular.

O governador disse também que, após o período chamado “novo normal”, o país prepara a volta ao antigo normal. “Como vamos enfrentá-lo, enfim, qual é a participação do cidadão no processo do ano que vem?”, indaga. Ele lembra que será período de eleições, com os desafios das candidaturas e discussão dos princípios e do que se deseja para uma política nacional. “Tudo isso, acho que podemos tirar hoje, nas palestras que serão proferidas”, enfatizou.

Presidente da UniEvangélica, Augusto Ventura agradeceu ao governador pela participação na abertura do congresso. “Ele é um anapolino que ama sua terra. Sempre nos alegramos quando o senhor tem a oportunidade de estar conosco”, destacou.

O reitor da universidade, Carlos Hassel Mendes, ressaltou que é a liberdade de expressão a garantidora de que encontros de debates como o realizado possam contribuir com o conceito de cidadania. Ele também agradeceu ao governador pela participação. “Saudação especial ao governador, pela deferência de estar aqui conosco. Caiado tem sido um amigo da nossa instituição”, pontuou.

O vice-prefeito de Anápolis, Márcio Cândido, representou o prefeito Roberto Naves. Ele falou da importância de o município receber o congresso que definiu como significativo para o Brasil e agradeceu ao governador pela presença. “Esse anapolino, um dos grandes nomes da política brasileira, grande defensor de todos os nossos direitos e que tem exercido com excelência o Governo de Goiás”, acentuou.

*Recepção de estudantes*
Após deixar o auditório do Complexo Couto Magalhães da UniEvangélica, o governador Ronaldo Caiado foi recebido com festa por estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental do Colégio Couto Magalhães.

No ginásio da instituição, acontece a Feira de Tecnologia do colégio que mobiliza alunos e o corpo docente. O governador vistoriou o evento, tirou fotos e deu autógrafos aos jovens.

Participam ainda outras autoridades convidadas como palestrantes, a exemplo da secretária Nacional da Família, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), Angela Vidal Gandra Martins; o ex-chanceler do Instituto Presbiteriano Mackenzi, reverendo Davi Charles Gomes; os autores da obra Direito Religioso e Laicidade Colaborativa Brasileira, o presidente do IBDR, Thiago Rafael Vieira, e Jean Marques Regina; a coordenadora de Liberdade Religiosa no MMFDH, Natammy Bonissoni; o diretor do Seminário Martin Bucer, reverendo Franklin Ferreira; o coordenador de Estudos, Pesquisa e Avaliação do MMFDH, Gustavo Adolfo Pedrosa Daltro Santos.

E também o professor e procurador federal Marcel Simões; o PhD pela Universidade Gregoria, Marcus Boeira; o professor Valmir Nascimento Milomem, autor de diversas obras, entre elas “O Abuso do Poder Religioso”; o professor da Universidade de São Paulo (USP), David Azevedo; o professor Augusto César Rocha Ventura; o professor Alex Catharino; o presidente Centro Mackenzie de Liberdade Econômica, Antônio Cabrera Mano Filho; pesquisador e autor de livros reverendo Davi Lago; o professor Tiago Santos; o escritor e pastor Renato Vargens; presidente da Visão Nacional para a Consciência Cristã (Vinacc), pastor Euder Faber; assessor do MMFDH Warton Hertz de Oliveira; o reitor da UniEvangélica, Carlos Hassel Mendes; o especialista em Direito Público Jonas Moreno; o pianista Álvaro Siviero; e o sócio-diretor da Iaux Brasil, Paulo Oliveira.

Fotos: Júnior Guimarães

Secretaria de Comunicação — Governo de Goiás

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Publicações em Alta

Goiana disputa vaga para as Olimpíadas Internacionais de Química

Jogos Abertos classificam mais equipes para fase regional

Atividades presenciais na Alego foram retomadas nessa 2ª-feira, 2, das 7 às 19 horas, podendo atingir até 50% do efetivo

Reconhecer e valorizar