No Banner to display

domingo, 21 de abril de 2024

domingo, 21 de abril de 2024

No Banner to display

Caiado entrega 40 casas a custo zero em Piranhas

Imóveis foram destinados a famílias com renda de até um salário mínimo. Iniciativa recebeu investimento estadual de R$ 4,5 milhões

Governador Ronaldo Caiado durante entrega de moradias em Piranhas, no Oeste Goiano: “Isso faz diferença na vida das pessoas”

Quarenta famílias de baixa renda receberam suas casas próprias nesta quarta-feira (13/03), em Piranhas, no Oeste Goiano. Ao fazer a entrega das chaves, o governador Ronaldo Caiado destacou que as moradias são construídas pelo Estado, em parceria com a prefeitura, e repassadas sem custos aos beneficiados, com todas as instalações funcionando e documentos em dia. “Isso faz diferença na vida das pessoas”, salientou.

Em Piranhas, o Governo de Goiás aplicou R$ 4,5 milhões do Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Fundo Protege) para custear a construção dos imóveis. A prefeitura ficou responsável pela destinação do terreno e pela infraestrutura urbana. “Essas famílias sabem que vão ter tranquilidade de não pagar mais aluguel e ter um lugar digno para morar”, disse Caiado. Ele ressaltou que a conduta de responsabilidade adotada pela gestão estadual possibilitou que os recursos se transformassem, de fato, em benefícios para a população.

Das 40 casas entregues em Piranhas, quatro foram destinadas a segmentos de reserva legal prioritária, sendo uma unidade para idoso, uma para pessoa com deficiência e duas para mulheres vítimas de violência doméstica. “O governador coloca Goiás em uma posição de destaque na habitação”, afirmou o secretário da Infraestrutura, Pedro Sales, ao mencionar que a política habitacional atende ao interesse social e proporciona soluções para pequenas cidades.

Após a entrega simbólica das chaves, Caiado visitou as unidades habitacionais, ao lado de auxiliares de governo e de lideranças municipais. Prefeito de Piranhas, Marco Rogério, o Chicão, reconheceu a resposta do Estado e a mudança de vida que a casa própria representa para cada família beneficiada. “O sonho passou a ser realidade. Famílias que há anos alimentavam esperanças, hoje, podem festejar a chegada deste momento”, declarou.

Os contemplados comprovaram conformidade com todos os critérios e exigências do programa, entre os quais, ter renda de até um salário mínimo. É o caso de Idelma Maria dos Santos, que recebeu uma casa mobiliada. “São 47 anos lutando para ter minha casinha e realizei agora meu sonho. É a maior felicidade da minha vida. A casa própria é minha benção”, celebrou.

Em Goiás, o programa já chegou a 158 municípios, escolhidos entre os que apresentam maior dificuldade em atrair investimentos imobiliários. Ao todo, o estado entregou 1.100 casas a custo zero desde 2021 e planeja atingir 10 mil unidades até 2026. O programa Pra Ter Onde Morar – Construção é gerido pela Agência Goiana de Habitação (Agehab) e pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra).

Fotos: Júnior Guimarães e Octacilio Queiroz

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Publicações em Alta

PIB de Goiás cresce 4,4% em 2023 e fica acima da média nacional

Goiás libera vacina para toda a população no ‘Dia D’ contra influenza

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos