No Banner to display

quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

Produtividade: Em dois dias, PMGO realiza 89 prisões em flagrante no Estado

Maioria das detenções foi motivada pelo envolvimento com o tráfico de drogas. Outros 16 foragidos da justiça foram recapturados.

As ações de combate à criminalidade, realizadas pela Polícia Militar de Goiás entre segunda-feira (06/09) e esta terça (07/09), feriado de Independência, resultaram em ao menos 89 prisões em flagrante e na captura de 16 foragidos da justiça. Durante as diligências, foram apreendidas 18 armas de fogo, 88 munições de diferentes calibres, mais de 10 quilos de drogas, além de veículos e outros objetos furtados/roubados. As principais ocorrências foram registradas na capital, em Aparecida de Goiânia, Niquelândia, Pirenópolis, Paraúna, Senador Canedo e Novo Gama.

Uma ação de equipes do 42º BPM foi responsável pela apreensão de dois revólveres taurus, calibre 32, munições e três peças de maconha. Os ilícitos estavam em posse de dois indivíduos, abordados durante patrulhamento tático no Setor Petrópolis, em Goiânia. Os suspeitos desobedeceram às ordens de parada e iniciaram uma perseguição, que foi finalizada depois que a dupla perdeu o controle da direção. Todo o material apreendido foi levado à Central Geral de Flagrantes (CGF) da capital.

No município de Novo Gama, no entorno do Distrito Federal, militares do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT), pertencente ao 19º BPM, efetuaram a detenção de dois homens, suspeitos da comercialização de drogas. Com a dupla, foram encontradas 16 porções de maconha e uma balança de precisão. Os policiais chegaram até eles após o recebimento de denúncia anônima. Outros dois indivíduos que estavam no local conseguiram fugir. Os suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil da região.

A Polícia Militar atuou também neste feriado contra crimes ambientais. Durante bloqueio policial na GO-535, no trecho que liga Niquelândia a Serra da Mesa, equipes do Batalhão Ambiental flagraram um condutor com 16 quilos de pescado. No carro também foi apreendida uma rede de pesca. O indivíduo foi autuado por diversos crimes, incluindo a falta de licença para pesca, quantidade acima do permitido, utilização de aparelhos, petrechos, técnicas e métodos não permitidos e transporte irregular de pescados. Ele foi levado à Delegacia de Polícia de Niquelândia.

Operação

Uma força-tarefa entre militares do Batalhão Especializado em Policiamento de Eventos (Bepe), Cavalaria, Guarda Civil Metropolitana e órgãos de fiscalização municipais, fechou uma festa clandestina, realizada na capital por uma torcida organizada. A ação aconteceu na terça-feira. No local, os fiscais flagraram cerca de 350 pessoas, incluindo menores de idade, descumprindo o decreto da Prefeitura de Goiânia, que autoriza eventos com até 250 pessoas.

A operação integrada resultou na confecção de diversos Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs). Incluindo por posse de entorpecentes. Os organizadores irão responder pelo descumprimento dos protocolos para a prevenção da Covid-19, por provocar aglomeração, além da falta de alvará de funcionamento e licença para a realização do evento. Alguns convidados também foram multados pela não utilização de máscara de proteção facial.

Secretaria de Estado da Segurança Pública – Governo de Goiás

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Publicações em Alta

Prefeitura de Caldas Novas inaugura Casa de Apoio em Goiânia

Fazemos uma gestão focada nas pessoas”, diz prefeita de Rio Quente ao inaugurar Posto Avançado do Poder Judiciário

ProGoiás, novo incentivo fiscal do Governo do Estado, atrai 144 empresas

Caiado apresenta ônibus articulado 100% elétrico para circular no Eixo Anhanguera