No Banner to display

quinta-feira, 18 de julho de 2024

quinta-feira, 18 de julho de 2024

No Banner to display

Polícia Civil prende homem por violência doméstica contra namorada grávida

O homem foi preso poucos minutos depois, na casa um tio, em um bairro nobre da cidade. Interrogado, confessou que proferiu as ofensas, mas negou as ameaças e a violência física.

Policiais civis do Grupo de Investigações Criminais (Geic) e Central de Flagrantes de Caldas Novas prenderam em flagrante, no dia 21 de janeiro, um homem de 26 anos, engenheiro, por violência doméstica contra a namorada, de 35 anos, que está no terceiro mês de gestação.

Foi reportado que na noite de sábado (20) ocorreu o chá revelação do sexo do bebê. Depois do evento, o homem foi sozinho a uma festa e retornou de madrugada, bastante alterado, ao que passou a ofender a namorada com diversos xingamentos, além de segurá-la pelos braços e ameaçá-la.

Já no domingo (21), por volta da hora do almoço, o homem chamou a namorada para conversar. Contudo, ao chegar no local combinado, a mulher sofreu novos atos de violência. Diante disso, a vítima procurou ajuda na Polícia Civil, que prontamente prestou atendimento e empenhou uma equipe para localizar e prender o agressor.

O homem foi preso poucos minutos depois, na casa um tio, em um bairro nobre da cidade. Interrogado, confessou que proferiu as ofensas, mas negou as ameaças e a violência física.

Pelo ocorrido, o homem foi autuado em flagrante pelos crimes de injúria, ameaça e vias de fato, no âmbito da Lei Maria da Penha. Ao término dos procedimentos legais, o homem pagou fiança de 12 salários mínimos (cerca de R$ 17 mil) e foi posto em liberdade.

A Polícia Civil encaminhou ao Poder Judiciário pedido de medidas protetivas de urgência, a fim de que o homem seja proibido de se aproximar da vítima.

 

FONTE: PCGO

Publicações em Alta

Polícia Civil prende autor de homicídio e dupla tentativa de homicídio em Caldas Novas

Equatorial Goiás troca 200 chuveiros em Morrinhos

Prefeitura de Caldas Novas espera receber 150 mil pessoas no Feriado de Tiradentes

Educação abre período de matrículas para 2024

No Banner to display