No Banner to display

domingo, 22 de maio de 2022

domingo, 22 de maio de 2022

No Banner to display

HMI realiza ação de conscientização sobre hepatites virais

m alusão à data e ao Julho Amarelo, campanha nacional de combate à doença, o Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento promoveu, na quinta-feira (29), uma ação com seus colaboradores.

Equipe da Cipa e do Núcleo de Vigilância Epidemiológica Hospitalar durante a atividade de conscientização com demais profissionais do HMI (Foto: Marilane Correntino)

A Organização Mundial de Saúde (OMS) celebra o dia 28 de julho como o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais, doença silenciosa, de evolução lenta e que, na maioria das vezes, progride para situações de maior gravidade que acometem o fígado. Em alusão à data e ao Julho Amarelo, campanha nacional de combate à doença, o Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento promoveu, na quinta-feira (29), uma ação com seus colaboradores.

Organizado pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) e Núcleo de Vigilância Epidemiológica Hospitalar (NVEH), o ato teve como objetivo conscientizar os profissionais da unidade do Governo de Goiás na prevenção e controle das hepatites virais. “Detectar e tratar esse problema precocemente é importante para prevenir complicações, como cirrose e câncer de fígado”,  pontuou o técnico de segurança no trabalho e presidente da Cipa, Júnior César Guimarães.

A atividade contou com orientação, apresentação de fantoches e distribuição de material educativo, nos setores da unidade e recepção, envolvendo colaboradores, usuários e acompanhantes. “Achei ótima essa ação. Fico feliz em ver que o hospital se preocupa com a saúde, segurança e bem-estar de seus servidores”, afirmou a colaboradora Iara Pinheiro.

“Apesar da pandemia do novo coronavírus, é importante que as pessoas atentem para outras patologias que precisam de acompanhamento e de alerta por meio das campanhas de conscientização”, destacou a coordenadora do NVEH, Wanda Lopes.

Segundo o Ministério da Saúde, entre os anos de 2000 e 2018, mais de 670 mil casos de hepatites virais foram notificados no Brasil. No mesmo período, 74,8 mil pessoas morreram com algum tipo de hepatite. Entre as mortes confirmadas, 76% correspondem somente à hepatite C.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Publicações em Alta

Governador Ronaldo Caiado e primeira-dama, Gracinha Caiado, lançam Goiás Social, programa de ajuda a famílias em situação de vulnerabilidade em todas regiões do Estado

Prefeitura de Rio Quente firma parceria com a Polícia Militar de Goiás

Goiás gerou mais de 170 mil empregos desde janeiro de 2019

Caiado apresenta projeto de fomento e incubação de cooperativas sociais