Hot PArk
Notícias
PM resgata motorista que era mantido em cárcere privado e prende integrantes de grupo criminoso
Publicada em: 04/05/2021

Ao todo, três pessoas foram presas. Suspeitos seriam membros de uma organização criminosa, do Estado de São Paulo e teriam envolvimento com roubos e tráfico de drogas.

Em ação realizada nesta segunda-feira (3/05), na região metropolitana de Goiânia, policiais militares do Batalhão de Choque prenderam três pessoas, suspeitas de roubar um caminhão e manter o motorista em cárcere privado. A vítima, natural da Bahia, foi resgatada em uma residência no Setor Vila Lucy, na capital goiana. Segundo levantamento de informações, os indivíduos seriam integrantes de uma organização criminosa, oriunda do Estado de São Paulo.

A ocorrência teve início após o recebimento de uma denúncia. O relato apontava que a casa estaria sendo utilizada para manter uma vítima de roubo em cativeiro. Após compartilhamento de dados com equipes do 8º Batalhão da PM, os militares do Choque se deslocaram até o endereço indicado. No local, foram localizados os três indivíduos (dois homens e uma mulher), em posse de um revólver, com três munições. Os policiais encontraram a vítima, que era mantida na residência sob grave ameaça e na mira da arma de fogo.

O roubo teria sido praticado horas antes, no polo industrial de Aparecida de Goiânia. De acordo com as informações colhidas no local, o condutor do caminhão teria sido contratado por meio de uma plataforma de fretes e quando chegou ao endereço indicado, foi rendido pelos suspeitos. A vítima foi vendada e levada para a casa, que era usada como central do grupo, em Goiás. O caminhão, inclusive, teria sido carregado com entorpecentes e um novo motorista contratado, para realizar o transporte até SP. 

Durante entrevista, os indivíduos confessaram ainda a participação de outras duas pessoas nos crimes. As equipes iniciaram novas diligências e localizaram a dupla próxima ao Anel Viário de Aparecida. Eles estavam em um veículo e resistiram à tentativa de abordagem, efetuando disparos de arma de fogo contra os militares, que revidaram. Os suspeitos foram atingidos e socorridos, mas não resistiram.

A dupla pertencia a uma facção criminosa de âmbito nacional. Um deles seria o líder da facção, em Goiás. Com o grupo, foram apreendidas três armas de fogo, munições, aproximadamente 20 quilos de maconha, dois carros locados em São Paulo e o caminhão roubado. Os suspeitos detidos foram conduzidos à Central Geral de Flagrantes (CGF) da capital. Eles foram autuados por roubo majorado pela restrição de liberdade da vítima, porte ilegal de arma de fogo, organização criminosa e tráfico de drogas.

 

Outras ocorrências

Ainda no combate à criminalidade, militares do Choque efetuaram a detenção de um homem, suspeito de tentativa de homicídio. As equipes chegaram até o indivíduo, no Setor Eli Forte, em Goiânia, após o recebimento de denúncia anônima. Ele foi localizado ainda na região, pouco depois do cometimento do crime. O homem estava com as roupas sujas de sangue e ainda com a faca utilizada. O indivíduo, que já possuía passagem por furto, foi levado à Central de Flagrantes. Já a vítima foi encaminhada pelo Samu ao hospital, em estado grave.

Em outra ação, equipes do Batalhão de Rotam prenderam um homem, em Goiânia, por possível receptação. A equipe realizava patrulhamento pelo Setor Jardim América, quando visualizou o condutor de um veículo, em atitude suspeita. Durante a tentativa de abordagem, o condutor não obedeceu às ordens para estacionar e tentou fugir. O carro foi interceptado pelos policiais, que constataram ainda que o veículo possuía registro de roubo. O motorista foi levado à CGF.

Secretaria de Segurança Pública – Governo de Goiás

--

Voltar Contato Diminuir Texto Aumentar Texto

Promoções

Participe

Cinema

Em Cartaz

Vídeos

Assistir